Se pretende perder peso, certamente ouviu falar da importância de comer de 3 em 3 horas, mas será que isso é mito ou verdade? Saber a verdade sobre essa frase que é constantemente defendida pelos especialistas, fará toda a diferença no seu processo de emagrecimento.

Afinal, você pode estar seguindo um projeto alimentar que contribui para o acúmulo de gordura ao invés de eliminá-la do seu organismo. Por isso, é de suma importância que você obtenha mais informações sobre a dieta de comer de 3 em 3 horas para conseguir emagrecer de uma maneira eficiente e duradoura.

Nesse sentido, ao longo deste post você poderá descobrir, finalmente, se comer de 3 em 3 horas emagrece mesmo ou não passa de um mero mito. Continue lendo e se surpreenda com o que essa dieta realmente faz:

 

Comer de 3 em 3 horas é um mito?

Sim! De acordo com pesquisas realizadas sobre essa estratégia de emagrecimento, comer de 3 em 3 horas não passa de um mito e que na verdade o que realmente importa é a qualidade e quantidade de alimentos que você consome diariamente. Surpreendente, não é? O aumento do metabolismo, que era a base da proposta da dieta, é irrelevante e não contribui para a perda de peso.

Além disso, fazer várias refeições ao dia pode promover o efeito inverso, conforme aponta um estudo Holandês. Veja bem, quando você organiza as suas refeições dessa forma, você pode provocar o aumento dos níveis da glicose no seu sangue. Isso faz com que ocorra a elevação do armazenamento de gordura e sérios problemas de saúde.

Pense assim, antigamente os homens da caverna precisavam se esforçar para caçar o seu próprio alimento e não comiam em curtos intervalos de tempo, mesmo assim mantinham-se em forma e eram saudáveis. Hoje, o nosso organismo não mudou tanto assim, mas temos um maior acesso a alimentos e não sabemos lidar com o consumo adequado dos mesmos e é exatamente aí que se encontra o problema da maioria das pessoas, e não na frequência com que comem.

Ainda não está convencido? Logo abaixo você poderá encontrar outros argumentos científicos que comprovam que a dieta de comer a cada 3 horas não passa de um mero mito. Essa ideia está mais associada a um posicionamento dos profissionais da área.

 

Comer a cada 3 horas e o funcionamento do metabolismo

Diferente do que muitas pessoas pensam, comer de 3 em 3 horas não faz com que o seu metabolismo acelere e ocorra o aumento da queima de gordura. Na verdade, isso depende exclusivamente dos alimentos que você consome, a quantidade de calorias que eles possuem, assim como de nutrientes.

Nesse sentido, pode-se afirmar que manter o seu metabolismo acelerado depende de dois fatores: da quantidade de alimentos consumidos e da composição dos mesmos. Afinal, se você ingerir 3000 kcal em 3 ou 6 refeições por dia, a sua taxa metabólica não sofrerá nenhuma variação.

Além disso, não existem estudos científicos que comprovem que comer com frequência irá aumentar o funcionamento do seu metabolismo. No entanto, existem diversas outras que apontam que não existe vantagem alguma em fazer mais ou menos refeições diárias, sobretudo no que se refere a gastos calóricos.

A primeira grande revisão científica feita sobre o tema data de 1997, na qual foi constatado que não existe uma influência aparente entre a quantidade de refeições que você faz por dia e a diferença na taxa metabólica. E desde então, nenhum estudo comprovou o contrário. Esse é sem dúvida mais um dado que comprova que comer de 3 em 3 horas não passa de um mero mito que continua sendo defendido por alguns especialistas.

 

Os níveis de insulina e a dieta de comer a cada 3 horas

A maioria das pessoas que decide adotar esse método de emagrecimento se esforça em fazer várias refeições por dia, como uma tentativa de manter os seus níveis de açúcar no sangue baixos. Porém o que elas não sabem é que esse tipo de prática pode fazer o efeito inverso, segundo alguns especialistas na área.

Estudos realizados sobre o método de comer a cada 3 horas revelou que as pessoas que fazem refeições maiores e poucas vezes ao dia, apresentam baixos níveis de açúcar no sangue. Sobretudo se comparar com aquelas que fazem 6 ou mais refeições menores por dia.

Isso ocorre por que as pessoas que comem grandes quantidades de comida com menor frequência têm maiores picos de insulina, porém esses níveis voltam a atingir níveis normais no passar do dia. O organismo tem mais tempo para processar os nutrientes que foram obtidos por meio dos alimentos.

Em contrapartida, aquelas pessoas que fazem várias pequenas refeições ao longo do dia apresentam picos de insulina menores ou mais acentuados, porém os níveis de sangue permanecem elevados durante todo o dia. Isso não só prejudica o processo de emagrecimento, como também a sua saúde como um todo.

O aumento da sensação de saciedade ao comer a cada 3 horas

Você provavelmente ouviu algum especialista ou leu em algum lugar que comer de 3 em 3 horas faz com que você aumente a sua sensação de saciedade, o que faz com que você não tenha vontade de sair da dieta e comer algum lanche gorduroso. Ledo engano! Esse tipo de dieta não promove essa reação no organismo.

Algumas pessoas afirmam que sentem mais fome e vontade de comer mais, logo após fazer um lanche da tarde, por exemplo, o faz com que elas não só comam o que prepararam para aquela refeição secundária, como também outros tipos de alimentos que não são indicados. Algo que dificilmente acontece quando você faz refeições maiores e se sente completamente saciado.

 

Diante do que foi apresentando ao longo do post é possível compreender, por meio de estudos científicos, que comer de 3 em 3 horas não só não promove a perda de peso, como em alguns casos pode ser prejudicial para a saúde.

Write a comment:

*

Your email address will not be published.


Todos os direitos reservados a Ação e Água

Follow us: